Trabalhar com a comunicação assertiva em vendas é uma maneira eficaz de conseguir bons resultados. Para além do conteúdo em si, a forma como a mensagem é transmitida é determinante na interação com o cliente.

É de conhecimento comum que a habilidade de fechar negócios está intimamente ligada à capacidade de comunicar de cada profissional. Mais do que um dom ou um talento inato, a comunicação é composta por fatores específicos que podem ser desenvolvidos por qualquer pessoa.

Levando em conta essa importância, vamos explicar aqui o que significa comunicação assertiva, de forma a estimular os gestores a fomentar tais práticas em suas empresas. Vamos também destrinchar alguns pontos valiosos dessa concepção para que você as desenvolva no seu contexto de trabalho. Confira!

Entenda o significado de comunicação assertiva

O conceito de assertividade na comunicação fala da capacidade de sintetizar e transmitir o que deve ser dito de maneira clara e eficiente. É uma compreensão que levará em conta as diferentes formas de transmissão de sinais e mensagens, buscando sempre otimizar essas interações objetivamente.

Um elemento central nessa perspectiva é a busca pela clareza e objetividade na comunicação. Preza-se por uma troca de informações transparente e eficaz, que consiga transmitir sempre a mensagem apropriada para cada contexto.

A comunicação diz respeito a um aspecto relevante em qualquer contexto de trabalho, seja no aspecto interno ou da relação com os clientes: o relacionamento interpessoal.

Vale lembrar que um dos principais papéis dos líderes é a gestão dos recursos humanos da empresa, de modo que faz parte do seu papel propagar práticas de comunicação que atinjam os resultados esperados da equipe.

Tratar desse tema de uma maneira direta é uma forma eficaz de minar obstáculos comuns aos processos de negociação e à prática dos profissionais de vendas.

Tenha sempre um bom embasamento

Engana-se quem ainda pensa que se comunicar bem é saber ludibriar o cliente, convencê-lo a fazer ou comprar algo de que não precisa. Na verdade, é necessário que o profissional saiba atender às expectativas dos consumidores, que se tornam cada vez mais altas.

A informação, hoje em dia, é de fácil acesso a todos, o que, muitas vezes, iguala os compradores aos vendedores em seus conhecimentos. Portanto, não subestime a capacidade de compreensão e de crítica do seu cliente.

Seja qual for o assunto, é fundamental ter propriedade sobre o que vier a ser dito. Faça questão de ter em mãos fontes de dados seguros acerca do seu negócio. Quem procura exaltar o seu produto a qualquer custo acaba por cair em contradição e causar o efeito inverso do esperado.

Informar-se e adquirir informações reais das propriedades e do potencial do conteúdo é uma maneira de transmitir confiança para o cliente e tratá-lo com o devido cuidado.

Estimule a empatia no contexto de vendas

Empatia é a capacidade de se colocar no lugar do outro. Essa é uma forma respeitosa de encarar a relação com o cliente, pois busca conciliar os interesses do comprador com os interesses da companhia.

Alguns vendedores já são treinados para transmitir a mesma mensagem independentemente do seu interlocutor. Essa é uma visão que subestima as diferentes necessidades de cada pessoa, tornando a interação mais impessoal e distante.

Cada contexto exige uma abordagem diferente a ser considerada, e um bom vendedor é aquele que consegue adaptá-la ao que é exigido em cada situação. Sendo assim, é importante identificar quais são as reais demandas do consumidor para, então, alinhá-las às ofertas do seu empreendimento.

Valorize o papel de uma linguagem apropriada

As situações de venda exigem um tipo de linguagem adequada para tais momentos. O responsável pelas vendas deve ter um domínio suficiente da língua formal, sem incorrer em erros grosseiros.

Isso não quer dizer que o vendedor deva também ser um profundo conhecedor da gramática, expressando-se sempre dentro de uma formalidade estrita. Por outro lado, é importante também ficar atento aos excessos de informalidade praticados por alguns profissionais.

Além disso, é necessário se apropriar da linguagem correspondente ao seu nicho de mercado, atualizando-se sempre que possível nesse sentido.

É possível ser objetivo e simpático sem sacrificar a etiqueta necessária para se comunicar com seus clientes. Cabe ao responsável pelas vendas equilibrar sempre esses pontos de acordo com cada contexto.

Aposte no desenvolvimento das habilidades comunicativas

Apesar da reticência de algumas instituições, sabe-se que as companhias que se preocupam em estimular práticas eficazes de comunicação colhem bons frutos como resultado.

Ainda existe, no senso comum, a ideia de que a capacidade de comunicação é um dom: alguns seriam melhores e mais capazes do que outros para fazer isso.

Essa é uma visão limitada e, até mesmo, equivocada desse fator. Para além de saber falar bem e ser carismático, a comunicação, na verdade, é composta por aspectos que podem ser desenvolvidos e trabalhados em qualquer pessoa.

Promova, sempre que possível, treinamentos que trabalhem a comunicação assertiva na sua equipe ou outras formas de praticar esses conhecimentos. É a partir desses investimentos diretos na equipe de profissionais que serão desenvolvidas tais aptidões.

Compreenda a importância das expressões não-verbais

Para além da fala ou do texto em si, existem diferentes sinais que são enviados e interpretados nas interações — e a linguagem corporal é um exemplo disso. Os modos de gesticular e as expressões faciais também transmitem mensagens que são relevantes para a tomada de decisão do interlocutor.

Estamos o tempo inteiro nos comunicando com o ambiente e transmitindo informações das mais variadas formas. Considerar esses elementos e saber usá-los a seu favor é uma forma eficaz de comunicação assertiva.

Mesmo a menor das companhias hoje tem que se preocupar em planejar a forma como seus profissionais se comunicam — internamente e com os seus clientes. A comunicação assertiva é uma perspectiva que visa otimizar essas interações pessoais no campo do trabalho.

Um gestor responsável, certamente, aproveitará desses princípios para produzir profissionais com excelência no contato com o cliente. Lembre-se sempre que saber aparar as arestas nesse campo pode garantir resultados satisfatórios no valor do negócio.

Gostou das nossas dicas sobre a comunicação assertiva? Então, confira este artigo e aprenda ainda mais sobre o potencial da comunicação no contexto de vendas!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos marcados são necessários *